É aqui que é aqui

Nas postagens abaixo, a linha do tempo da pesquisa de doutorado: notas, comentários, referências e outros fragmentos.
Nas abas acima, outras linhas: um pouco de tudo.

Posted in Aesthetics | Leave a comment

Psicogeofísica

A psicogeofísica me interessa pela ideia de trabalhar com uma carga eletromagnética, cognitiva ou semântica associada aos lugares, e para pensar em como desenvolver dispositivos, práticas e performances pra ler estes lugares.

Escanear os espaços em busca de revelações, vidências, aprendizados. No meu caso, invocar e conjurar visões a partir dessa possibilidade de “escuta”.

Bibliografia

http://www.psychogeophysics.org/wiki/doku.php

http://www.occultomagazine.com/uno.html

Posted in Aesthetics | Leave a comment

Transcomunicação instrumental

Sprechfunk Mit Verstorbenem
Vozes_do_Além

JÜRGENSON, Friedrich. Telefone para o Além. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1972.
RAUDIVE, Konstantin. Breakthrough. New York: Taplinger, 1971.

Posted in Aesthetics | Leave a comment

Labocine

RIP Líder. O laboratório de revelação e copiagem de negativos de cinema do Rio de Janeiro fechou suas portas. Para quem viveu essa era é uma notícia triste. Com a nostalgia vem a pergunta: o futuro do cinema é digital? Bem, quando a fotografia se popularizou houve quem dissesse: a pintura morreu. Rá. Assim como o 35mm não matou o 16mm que não matou o super 8, o 10K não matou o 4 K nem o 2 K e nem o VGA. Bem, o VHS talvez tenha morrido mesmo. As questões são complexas. Mas a promessa de mais tecnologia e melhor resolução parece conversa boa para vender obsolescência programada. Talvez a alardeada “morte” do negativo sirva para pensarmos de onde vem a prata das emulsões, como é retirada, quem a minera, em que condições seu comércio se dá e outras questões urgentes de ecologia de mídias que todo o lixo eletrônico que produzimos tem trazido à tona.

Posted in Aesthetics | Leave a comment

TM an CTM Notes – work in progress

23.01 – CTM HackLab Opening. “The stimulation of bio-organisms through sensory (aural/visual) and electrical stimulation in feedback loops is presented by programming stimuli in real time and in a definite time-rhythmic sequence — music is art most involved in real-time organisation of sensory stimulation.” – Manford L. Eaton

I have seen Marcus Donaruma work in Dresden and also at our Class with Alberto de Campo. I think it is really nice the way he performs, I mean the choreography, the gestures, the way the body is integrated into the system, within a contrast between a very precise and delicate moving and a very strong, heavy sound produced by the interface. Here another work he presented some years ago.

Leslie began her presentation before the scheduled time, so I lost the beginning. I think it was not clear in how far the sound was being processed by the brain waves; the sensor in her head, in the darkness, could me interpreted as a headphone. She was sitting, minimal moves, operating machines at the table, processing image and sound and receiving the light of the projection over her. It was beautiful, but a bit long and not clear about the technology involved – what i think could be an extra layer of meaning for the spectator, if we could see the patches as well. I love her work anyway and I think she has other pieces that are more powerful.

PD+GEM VideoSampler from LessNullVoid on Vimeo.

Posted in Aesthetics | Leave a comment

unforgettable

Qué raro sería si hubiera, en lo que llamamos realidad, una cosa, un objeto -¿por qué, no?- que fuera realmente inolvidable. #borges El libro de arena

Posted in Aesthetics | Leave a comment

Colour Processing

Ideia para um trabalho:
A vida secreta do filme.
A gênese do filme: exposição à luz, revelação do negativo, reversão química para positivo, lavagem, secagem, projeção.
A cada projeção colocar o filme para andar.
A cada caminhada o filme se torna mais velho, mais cansado, mais arranhado.
As perfurações vão se esgarçando.
Até que um dia o filme arrebenta, o filme morre, ele não existe mais.
O filme que só existe como positivo, o filme que não tem possibilidade de ser copiado.
Assim como eu e você, que somos feitos de carne e osso, não somos negativos a partir dos quais se podem fazer cópias, somos únicos. Um filme único, cujo valor de exposição é inversamente proporcional ao seu valor vital. Morre a cada vez que é projetado. Se projeta até acabar.

IMG_2902

A luz é uma onda eletromagnética.
O que mais o nosso instrutor de revelação, Vytautas Juozėnas, lituano repetiu ao longo de um domingo: Fotografia a cores não existiria sem a fotografia preto e branca. O preto e branco está na base de toda fotografia. A cor vem depois, subsequentemente. Perto da base do filme a camada azul, frequência mais alta. Em seguida verde e em seguida vermelho, onda mais curta.

The first permanent color photograph, taken by J.C. Maxwell in 1861 using three filters, specifically red, green, and violet-blue.

Durch Verwendung bestimmter Technologien – zum Beispiel Stromversorgungsnetz und Mobilfunk – entstehen in der Umwelt elektrische, magnetische und elektromagnetische Felder. Diese Felder lassen sich durch ihre Stärke (Amplitude), ihre Schwingung (Wellenlänge) sowie Schwingungszahl (Frequenz) beschreiben. Unterschieden werden hoch- und niederfrequente Felder, sie gehören – wie auch die optische Strahlung – zur nichtionisierenden Strahlung. Im Gegensatz zur ionisierenden Strahlung – zum Beispiel Röntgenstrahlung – reicht die Energie dieser Strahlung nicht aus, um Atome und Moleküle elektrisch aufzuladen – zu ionisieren. Trotzdem kann diese Art der Strahlung gesundheitliche Folgen haben. Unterschiedliche Konzepte dienen sowohl zum Schutz vor unmittelbaren Gefahren als auch zur Vorsorge.

http://de.wikipedia.org/wiki/Elektrodynamik

Posted in Aesthetics, Cinema Studies, Work in progress | Leave a comment

Férias em Zurique

Links pra eu ler no natal:

textos de hito steyerl, compilados: https://fireplacechats.wordpress.com/2014/10/22/

lesen pra making mindful machines: Macht, Maschine, Magie: https://www.dropbox.com/home/MMM/read

escritos do moholy-nogysobre polycinema: http://www.medienkunstnetz.de/quellentext/24/

Coisas pra fazer:

Corrigir artigo revista navas
Finalizar TxT BTS
Escrever todo dia

Posted in Aesthetics | Tagged | Leave a comment