Tag Archives: Flusser

Der Lauf der Dinge

http://www.flusserstudies.net/pag/10/guldin-mit-schere-klebstoff.pdf Advertisements

Posted in a vida secreta dos objetos, Aesthetics | Tagged , | Leave a comment

A vida secreta dos objetos

Em sua conferência, o Professor Bruno Latour nos apresentou a ideia, já conhecida, de que o modelo cartesiano de conhecimento do mundo, que opera com a oposição entre res extensa e res cogita, poderia encontrar suas origens na perspectiva central … Continue reading

Posted in a vida secreta dos objetos, Aesthetics, Filosofia da Ciência, Work in progress | Tagged , , | Leave a comment

Gestos Corpo.doc

Gesto – exibição de medialidade – ser em meio a Ser no mundo – Ser na Linguagem Ética/Política = Estética Flusser – Gesto é movimento que não consigo explicar através de causa específica. Gesto = movimento + sentido Liberdade Gesto … Continue reading

Posted in Aesthetics | Tagged , | Leave a comment

Ainda Flusser

Numbers are images of thought 2 – ideogram of pair graphic ideographic code – numbers traditional images – maps of the world escrita linear unidimensional unidirectional linha mito – logos linhas pulverizada em pontos discurso substituído pelo cálculo sistêmico ou … Continue reading

Posted in Historia da Arte Moderna e Contemporânea, Work in progress | Tagged , | Leave a comment

notas estudo feriado nuvem 07/06

vida secreta: a necessidade de se repensar radicalmente a noção de agência em um contexto epistêmico onde a ação e o impacto dos objetos, meios e materialidades tecnológicas torna-se cada vez mais importante. interesse pela questão dos objetos e tecnologias … Continue reading

Posted in Draft, Work in progress | Tagged , | Leave a comment

Criar

Utopia de sociedade composta de artistas. Dissipar a aura mítica do “ato criador”. Outro ângulo de abordagem para o fenômeno da criatividade: A palavra cópia é latina e significa originalmente “abundância”, de maneira que “copiar significa : “tornar supérfluo, redundante”. … Continue reading

Posted in Historia da Arte Moderna e Contemporânea | Tagged | Leave a comment

(Auto)tradução em Flusser

Flusser wrote his texts in different languages, translating himself over and over again, moving from English, to Portuguese, German, French and back again. Similarly he worked by juxtaposing and contaminating different discourses: philosophy, anthropology, communication theory, art and design, zoology … Continue reading

Posted in Aesthetics | Tagged | Leave a comment